Tetranychus urticae (ácaro-rajado): Um dos ácaros de maior importância econômica


O ácaro-rajado, Tetranychus urticae, é considerado um dos ácaros-praga de maior importância econômica, causando consideráveis prejuízos em diversas culturas, como algodão, feijão, mamão, morango, pêssego, soja, tomate e ornamentais.


Um dos problemas associados a esse ácaro é o rápido desenvolvimento de resistência a acaricidas, principalmente em culturas com intenso uso de produtos químicos.


O uso de cultivares resistentes, assim como o uso correto de acaricidas, associado com a adoção da estratégia de rotação de produtos químicos com diferentes modos de ação, incluindo a utilização de acaricidas específicos e seletivos aos inimigos naturais, pode contribuir para evitar um desequilíbrio na população de ácaro, reduzir a densidade populacional da praga e retardar a evolução da resistência aos acaricidas. Em alguns casos, pode favorecer o restabelecimento da suscetibilidade, em propriedades em que o problema da resistência já está presente.


A realização de monitoramento de ácaro-rajado, com aplicação de acaricidas somente quando a população da praga atinge níveis que possam causar prejuízos econômicos, contribui para o manejo da resistência devido à menor pressão de seleção exercida pelos acaricidas.

Saiba mais sobre a bioecologia e manejo do ácaro-rajado. Acesse a página "FOLHETOS"

Mais recentes
Siga-nos